Yung Buda – Gente Morta Não Conta História Lyrics

Gente Morta Não Conta História Lyrics – Yung Buda

Total Slaughter
Total Slaughter
I won’t leave a single man alive
La de da de dai
Genocide
La de da de duh
An ocean of blood
Let’s begin the killing time
Let’s begin the killing time
Let’s be-
Total Slaughter
Total Slaughter
I won’t leave a single man alive
Total Slaughter
Total Slaughter
I won’t leave a single man alive
Let’s begin the killing time
Let’s begin the killing time
Let’s begin the killing time
Let’s begin the killing time (Yeah)
Ya, Anbu
Ayy, ayy

Uso colar tipo um cinto (Goth)
Minha vida num clipe timecode
Mano, esse beat da fome
E eu tô enchendo a boca da tua hoe
Eu tenho sexto sentido (Six!)
Eu sinto, eu sinto tua mão no meu bolso
Tentando puxar o meu gold
E na real tu coloca a mão no meu- (Ugh)
Na verdade eu sinto que algumas drogas fez mal pra mim, mal pra mim
Tão bem, eu me sinto agora com o tempo ‘cê perde o medo de pedra no vidro
Tinta no muro, furo de berla, Pannacotta Fugo
Nós é esquisito, diferente é pouco
JDM sticker Mahou Shoujo
Volta pra cá que eu te como de novo
Vendi minha alma e comprei de novo
Spotify tá rendendo uma grana
Em poucos meses dá pra sair da lama
‘Magina na festa chegar de Corolla
Então, mano, não baba minhas bolas
‘Magina na festa eu chego de novo
Mas mano, só para de baba meu ovo
‘Magina na festa eu te trombo com doce
Lembro de quando nós tinha 14
Queria uma doze que se foda a fama
Enquanto isso, DJ play o meu disco novo
Hadaka jime, seoi-nage
Se chegar mais perto eu vou te foder
Eu falei; Baby, parece anime
Ela me achou kawaii desu-ne, ahn

Let’s begin the killing time
Let’s begin the killing time
Let’s begin the killing time
Let’s begin the killing time
Let’s be-
Total Slaughter
Total Slaughter
I won’t leave a single man alive
La de da de dai
Genocide
La de da de duh
An ocean of blood
Let’s begin the killing time